terça-feira, 30 de setembro de 2008

Octoberfest-Munique-Festival da Cerveja!




Esta é a 175ª festa do chopp em Munique, na Alemanha.Até 05 de outubro - aproximadamente 7 milhões de litros de cerveja serão consumidos- 600 mil frangos assados -65 mil porções de carne de porco - e 84 bois serão consumidos. Duas semanas e mais de 6 milhões de pessoas passarão por lá.


Munich -175 anniversary of the Festival of Beer - until october 5 - 7 milion liters of beer - 600

thousand fried chicken - 65 thousands portions of pig - and 84 bulls-two weeks - more than six

million of people.
















Foto antiga e estranha...

Lens of Diane Arbus and became part of American photographic history. It would become one of the most famous photographs of the era's most compelling photographer. Arbus killed herself in 1971, at the age of 48, leaving behind a gallery of characters -- some of them spooky, some of them bizarre, all of them vaguely tragic --
The kid with the grenade. That would be Colin Wood, who is now 50 years old and an insurance agent living in California.
She did it in Central Park one afternoon when Colin was 7. I'm sure that photo was a collaboration," he says. "I didn't pose like that unless asked. I think I was imitating a face I'd seen in war movies, which I loved watching at the time."
But today he thinks of the image as one of the great conversation pieces of all time. And Arbus clearly fascinates him.
"She catches me in a moment of exasperation. It's true, I was exasperated. My parents had divorced and there was a general feeling of loneliness, a sense of being abandoned. I was just exploding. She saw that and it's like . . . commiseration. She captured the loneliness of everyone. It's all people who want to connect but don't know how to connect. And I think that's how she felt about herself. She felt damaged and she hoped that by wallowing in that feeling, through photography, she could transcend herself."


Foto de Diane Arbus que tornou-se famosa e parte da história da fotografia norteamericana.Arbus suicidou-se em 1971 quando tinha 48 anos deixando para trás uma galeria de personagens ---alguns deles misteriosos,alguns bizarros,todos vagamente trágicos.
O garoto da foto é chama-se Colin Wood e hoje tem 50 anos de idade.É um corretor de seguros e mora na Califórnia.
A foto foi tirada no Central Park na década de 60,num momento em que o garoto passava por problemas familiares e a fotografa soube captar através da expressão, no momento certo, foto
estranha, porém genial.O personagem acha que na verdade ela (a fotografa) é que sentia a solidão, a sensação de abandono , sentimentos seus que ela procurava retratar no seu trabalho sempre que sentia o momento e a pessoa que fotografava.

Propaganda do Viagra...


Ok.Mas eu não uso...põe um "vaso" para baixo...
Coisas que a vida ensina depois dos 40
Amor não se implora, não se pede não se espera...

Amor se vive ou não.Ciúmes é um sentimento inútil. Não torna ninguém fiel a você.

Animais são anjos disfarçados, mandados à terra por Deus paramostrar ao homem

o que é fidelidade.

Crianças aprendem com aquilo que você faz, não com o que você diz.

As pessoas que falam dos outros pra você, vão falar de você para os outros.

Perdoar e esquecer nos torna mais jovens.

Água é um santo remédio.

Deus inventou o choro para o homem não explodir.

Ausência de regras é uma regra que depende do bom senso.

Não existe comida ruim, existe comida mal temperada.

A criatividade caminha junto com a falta de grana.

Ser autêntico é a melhor e única forma de agradar.

Amigos de verdade nunca te abandonam.

O carinho é a melhor arma contra o ódio.

As diferenças tornam a vida mais bonita e colorida.

Há poesia em toda a criação divina.Deus é o maior poeta de todos os tempos.

A música é a sobremesa da vida.

Acreditar, não faz de ninguém um tolo.

Tolo é quem mente.

Filhos são presentes raros.

De tudo, o que fica é o seu nome e as lembranças a cerca de suas ações.

Obrigada, desculpa, por favor, são palavras mágicas, chaves queabrem portas para uma vida melhor.

O amor... Ah, o amor...O amor quebra barreiras, une facções,destrói preconceitos,cura doenças...Não há vida decente sem amor!

E é certo, quem ama, é muito amado.E vive a vida mais alegremente...
Artur da Távola
(after the 40's)

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Amigos da onça -origem da expressão


Foto tirada por Márcia Foletto, com a onça Thor, mascote do Comando de Fronteira Rio Negro e

5o. Batalhão de Infantaria de Selva.


A língua portuguesa é particularmente fértil em expressões idiomáticas derivadas essencialmente de lendas e de vivências do quotidiano, que muitas vezes se perdem na origem do tempo e que vão perdurando no léxico através dos anos, sem que contudo, frequentemente, se consiga com precisão explicar a sua origem.
As curiosas expressões “Amigo da Onça”, utilizada simultaneamente no Brasil e em Portugal, e “Amigo de Peniche”, utilizada somente em Portugal, são o exemplo da dificuldade corrente em datar e precisar a origem destas eufemísticas formas de expressão tão típicas da maneira de ser luso-brasileira. O significado de ambas é idêntico e refere-se a um falso amigo, alguém que apenas está interessado em receber algo às nossas custas e nada nos dá em troca.

“Amigo da Onça” suscita nos dois países explicações contraditórias: uma delas relaciona-a com o ato de “cravar” tabaco quando há muito tempo atrás, o tabaco mais barato era o de enrolar em mortalhas que era vendido em embalagens com o peso de uma onça, o que terá levado a que a própria embalagem assumisse o nome de onça. Quem abordava alguém para “cravar” tabaco seria, portanto, mais amigo da onça que da pessoa.

Outras possíveis explicações para a expressão são as que a relacionam com duas anedotas muito populares em tempos:

Um mentiroso que, contando as suas façanhas, dizia ter feito gato-sapato da onça que o atacara, é questionado da veracidade das mesmas por um ouvinte, que obtém do mentiroso como resposta à sua interpelação um sonoro "Afinal és meu amigo ou amigo da onça?".

Igualmente a anedota que deriva do diálogo entre dois amigos:

“- O que faria você se estivesse na selva e uma onça aparecesse na sua frente?
- Dava um tiro nela.
- E se você não tivesse uma arma de fogo?
- Tentava furá-la com o meu facão.
- E se você não tivesse um facão?
- Apanhava qualquer coisa, como um pedaço de pau, para me defender.
- E se não tivesse um pedaço de pau por perto?
- Procurava subir na árvore mais próxima.
- E se não tivesse nenhuma árvore no lugar?
- Saía correndo.
- E se você estivesse paralisado pelo medo?
Aí, o outro, já aborrecido, retruca:
- Afinal, você é meu amigo, ou amigo da onça?”



Em Relação à origem da expressão "Amigos de Peniche"(Portugal), ela é bastante mais antiga e data de 1580, quando D. António, Prior do Crato, tentou opôr-se a Filipe I. D. António pediu auxílio a Inglaterra e esta enviou Sir Francis Drake, o qual desembarcou em Peniche e como pirata que era iniciou imediatamente pilhagens e massacres, quando se dirigia para Lisboa começou a ser atacado pela população até que retirou e embarcou de volta a Inglaterra.
Em Lisboa D. António continou sózinho à espera dos "amigos" que vinham de Peniche

"Pegadinha" do suicídio...(suicide prank)


http://view.break.com/570691 - Watch more free videos

Natureza : imagens do mar e de quem sabe usufruir da sua imensa energia







domingo, 28 de setembro de 2008

mulher fei(t)a.

Ela ama Ele (She loves him)


Aprenda a diferença entre...

m ninja e um mormom:

Isto pode salvar a sua vida!

Como ir ao Paraguai?



Paraguai by boat...de navio?vai montado no Jegue!

Irmão do Rubens...(só acredito vendo)

video




TV engorda?

Imagens da Paraolimpíada/2008

Children who were injured in the Sichuan earthquake watch the live broadcast of the Opening Ceremony of the Beijing 2008 Paralympic Games at Sichuan Province Orthopedic Center on September 6, 2008 in Chengdu of Sichuan Province. (China Photos/Getty Images) Crianças que ficaram com sequelas e /ou feridas no terremoto (Sichuan) assistem à Abertura da Cerimônia de
Beijing 2008-Paraolimpíada no Centro de Ortopedia da Provínia de Sichuan.

Partially-sighted runner Daniel Silva of Brazil (R) runs alongside his guide as he wins the B final of the 100m T11 during the 2008 Beijing Paralympic Games in the Chinese capital on September 9, 2008. (PETER PARKS/AFP/Getty Images) #
A Brazilian wheelchair basketball player holds a ball during training inside the National Indoor Stadium ahead of the Paralympic Games in Beijing Wednesday, Sept. 3, 2008. (AP Photo/Oded Balilty) #
Brazil's Severino Silva (#8) defends against Spain's Jose Lopez (#7) who tries to connect on a shot in front of Brazilian goalkeeper Fabio Vasconcelos Ribeiro (L) in their men's 5-a-side football match during the 2008 Beijing Paralympic Games on September 9, 2008 at the Olympic Green hockey field in Beijing. Brazil defeated Spain 1-0 in a sport where each team fields four blind players and one sighted or visually impaired goalkeeper. (FREDERIC J. BROWN/AFP/Getty Images) #

Athletes crash in the women's 5000m T54 final during the 2008 Beijing Paralympic Games at the National Stadium in the Chinese capital on September 8, 2008. (update: this race was later annulled, and re-run on Sep. 12th. Amanda McGrory of the U.S. took the Gold medal then) (AFP/AFP/Getty Images)

Oscar Pistorius (R) of South Africa, Jerome Singleton (C) of the United States, and Christoph Bausch (L) of Switzerland compete in the Men's 100m T44 Final Athletics event at the National Stadium during day three of the 2008 Paralympic Games on September 9, 2008 in Beijing. (China Photos/Getty Images) #
Têm muito mais imagens no endereço abaixo: